terça-feira, 7 de junho de 2016

PRECONCEITO OCULTO


Às vezes, nós, adultos,
Maquiamos nosso gestos e atitudes e, não percebemos o sorrateiro preconceito oculto!

Justificamos:
“ - É apenas uma brincadeira! ”

Brincadeira é a DOCE TAREFA da ALMA PURA de uma CRIANÇA com sua virtude plena chamada INOCÊNCIA.
Quando o adulto, se arrisca brincar, sem a candura e, sem as AFETUOSAS VIRTUDES desta criança, que já fora um dia, poderá deixar, escapar, uma DOSE DE SAGACIDADE, uma PORÇÃO DE MAQUIAVELICE ou, um PRECONCEITO BOBO.
Por isso, antes de brincar, pense bastante, e ao invés de “tirar sarro” ou de “tirar onda”, tire o preconceito e a implicância do coração e, do olhar.


Caio Dagher

quarta-feira, 9 de março de 2016

AINDA NÃO É O FIM

Deus nos ensina que todos as dores são passíveis de cura. E que a saudade confirma o amor no tempo e no espaço. No fim dá tudo certo. Se ainda não deu, é por que ainda não chegamos ao fim.

Caio Dagher

ONIPRESENÇAS


Somos contos, herdeiros de nós,
Somos contrapontos, atados por nós,
Avulsos ao pó de nossa própria solidão,
Mesmo sabendo que nunca estaremos só...

Caio Dagher

MANSIDÃO


A existência de vez em quando APARENTA-SE um tanto áspera, dissimula-se seca e ríspida.
Entretanto esse fenômeno de APARENTAR ou DISSIMULAR é apenas o disfarce da vida, que nos seduz buscar nossa luz, sem aquele sacrifício na cruz, sem qualquer pirraça nos conduzindo a retirar nosso capuz.
Afinal de contas a vida é um paradoxo!
Pois, amanhã, após a tempestade esse tal de sofrimento,
Se dissolve como outra, e, qualquer ilusão!
No fim, o que permanece é só
O esclarecimento da compreensão,
O conforto do perdão,
O efeito da evolução,
A paz da retidão,
O jeito mansidão,
E a consciência do todo,
E de toda nossa imensidão.

Caio Dagher
03/09/2015

AMOR PROPAGANDA


Antes de comentar ou atribuir alguma regra,
Verifique se teu afeto sai sem expectativa de lucro ou troca,
Pois amor não é permuta, nem barganha.
Amar é se doar sem poder fazer campanha!

Caio Dagher

SONHOS RISONHOS

Farei um laço com meu abraço,
Darei um pedaço do meu espaço,
Pois a vida tem me ensinado que desacompanhado,
Serei apenas um sujeito tristonho sem sonhos risonhos.

Caio Dagher

INCONDICIONAL


Por mais doloroso que seja
Que o perdão, aqui, esteja!
Pois, entre as mães e suas crianças,
O amor é incondicionado, uma eterna esperança.

Caio Dagher